segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

CURUPÁ: SEM PONTE DE CIMENTO E CHÁ DE RECEITA MÉDICA!

CURUPÁ: SEM PONTE DE CIMENTO E CHÁ DE RECEITA MÉDICA!


Após, 6 (seis) meses da nossa última visita, retornamos ao Distrito Curupá, e, encontramos tudo do mesmo jeito, aliás, quase tudo, o povo sempre hospitaleiro e atencioso, a paisagem exuberante e aconchegante, a única diferença que observamos foi uma “Ponte de Cimento”.  Ponte de Cimento? Não, não é bem assim, não existe ponte nenhuma, o que houve foi uma tremenda irresponsabilidade e descaso com o erário público.


Na nossa última postagem sobre o Curupá (CURUPÁ CONDENADO AO ISOLAMENTO), relatamos o fato da UBS – Unidade Básica de Saúde, que  está com as obras paradas.


E, o que vimos desta vez foi estarrecedor e merecedor de uma Ação de Improbidade Administrativa. Com a obra parada, o cimento estragou e foi jogado dentro do brejo Angico, na passagem, para facilitar o travessia de carros no referido curso d'água. Este foi o papo de todas as rodadas. Parece até ser coisa programada, e, por ironia do destino, o desperdício foi justamente de 40 sacos.


Enquanto se estraga cimento no Curupá, com as obras do Posto de Saúde paradas e entregues ao mato, os moradores sofrem com o descaso e o isolamento, sendo obrigados a procurarem o Estado do Piauí para qualquer tipo de atendimento médico. Infelizmente, constatamos o triste caso de um morador da localidade Brejinho, que teve que recorrer à Prefeitura de Barreiras do Piauí, para socorrer uma filha, na pressa sofreu um acidente fraturando umas das pernas, agora são filha e pai, dependo da boa vontade de políticos piauienses.


Através de relatos de moradores ficamos sabendo que um médico pago pela Prefeitura de Alto Parnaíba, esteve no último dia 20, na região fazendo consultas e pedia aos pacientes (haja paciência!!!), que aguardasse a chegada de funcionários da Secretaria de Saúde para a distribuição dos medicamentos, que há tempos não existem nem mesmo na  Farmácia Básica do Posto de Saúde na sede do município, embora haja licitação para compra dos mesmos.


Ouvimos ainda, a triste ironia de um morador, dizendo que iria fazer um chá com a receita do médico.    


Com isso, não estamos e tampouco queremos ocupar o lugar da Câmara de Vereadores, o papel de fiscalizador é deles, que foram eleitos e juraram para este fim, Prometendo promover o desenvolvimento do município. Mas, devido a tamanha omissão por parte dos EDIS, que têm poder fiscalizador, o estamos fazendo.



As fotografias que fazem parte desta postagem serão entregues ao Ministério Público Estadual para que tome as devidas providências!



Nenhum comentário:

Governador fala sobre matéria exibida no "Fantastico".

Globo no Maranhão é a TV do Sarney, que faz essas reportagens veiculadas nacionalmente. Chamam isso de "jornalismo" e "...